Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Classificação

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 28/09/2011



Em um dos melhores jogos da temporada até agora, o Crystal Palace mostrou garra e determinação invejáveis, e venceu, de virada, o Brighton em pleno Amex Stadium, por 1-3. O time de Dougie Freedman mostra mais uma vez boa evolução e sonha com uma vaga nos play-offs, inimaginável até 4 meses atrás. Já o Brighton decepciona sua torcida que lotou o estádio, mas foi favorecido pelos resultados da rodadas e não se afastou muito dos primeiros colocados.


O Brighton deu mostras, logo de início, que não dariam chance aos rivais. Logo aos 7 minutos, o artilheiro Craig Mackail-Smith abriu o placar, depois de passe de Dicker. Os Seagulls pressionaram durante todo o primeiro tempo, mas sem grandes chances de gol. Na segunda etapa, a preguiça do time foi duramente testada: Wilfried Zaha empatou aos 80 minutos. Aos 89', Darren Ambrose virou o jogo depois de passe de Parr, explodindo os 1500 torcedores do Palace presentes. O Brighton definhou depois da virada, e ainda permitiu o 3º gol pouco depois, com Glenn Murray, ex-jogador do próprio Brighton. Os Seagulls seguem em 5º, com 17 pontos, e aproveita os tropeços dos líderes para permanecer na briga. Já o Palace sobe para 9º e ameaça na briga pelos play-offs.


No outro jogaço da rodada, Reading vence com virada incrível.


Parecia que desta vez, o Bristol finalmente venceria em casa. Os Robins abriram 2-0 contra o Reading com facilidade em Ashton Gate, com Adomah aos 27', e com Pitman, aos 59'. Mas, mostrando a força de seu ataque, o Reading conseguiu uma virada histórica em 18 minutos. McAnuff aos 72 diminuiu com um chutaço da entrada da área. 3 minutos depois, Le Fondre fez mais um gol com a camisa do Reading, levando ao desespero a torcida do Bristol, que há muito tempo não vê seu time vencer em casa.


Mas, quando parecia que o empate seria  resultado final, a Championship nos providenciou mais uma grande virada: Aos 94', Mathieu Manset aproveitou bola rasteira na área e virou o jogo, 2-3, para desespero de David James. E não é a toa: O Bristol segue afundado na zona de rebaixamento, em penúltimo lugar, com 6 pontos. Já o Reading sobe na tabela, depois de um início muito ruim. O time de Brian McDermott está em  14º, com 11 pontos.


Gols de Bristol 2-3 Reading:




Gols de Brighton 1-3 Palace:


Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2019. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis