Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 14/08/2012


Nome: Middlesbrough Football Club
Apelido: Boro
Presidente: Steve Gibson
Técnico: Tony Mowbray
Última temporada: 7º lugar (Championship)

Contratações: Grant Leadbitter (Ipswich, valor não revelado); Stuart Parnaby (free agent); Jonathan Woodgate (free agent); Emmanuel Ledesma (Walsall, free agent); George Friend (Doncaster, valor não revelado); Mustapha Carayol (Bristol Rovers, valor não revelado)

Vendas/Dispensas: Matthew Bates, Justin Hoyte, Bart Ogbeche e Malaury Martin (dispensados); Barry Robson (Vancouver Whitecaps, valor não revelado)

A temporada 2011/2012 foi considerada positiva por muitos torcedores do tradicionalíssimo Boro. O time, que vinha de uma temporada brigando contra o rebaixamento, teve boas atuações e brigou até o fim pelo acesso, chegando a estar na 3ª colocação no meio da temporada. Porém, o time foi mais um a perder força e acabou perdendo a vaga nos play-offs na última rodada.

Mas a temporada começa muito, mas muito esperançosa para os fanáticos torcedores. O Middlesbrough tem um dos times mais fortes da temporada, e vem com muita força para brigar pelo acesso, com toda a sua tradição pesando. Famoso por sua serenidade, o simpático técnico Tony Mowbray está esperançoso quanto à nova temporada.

O manager trouxe de volta ao clube os defensores Jonathan Woodgate, que tenta recuperar seu bom futebol, perdido após inúmeras lesões, e Stuart Parnaby, que estava sem clube desde 2011. Chegou também o bom meia Leadbitter, ex-Ipswich. Mowbray foi buscar no pequeno Walsall o meia Emmanuel Ledesma, que teve passagens por Napoli e QPR. Chegam também o lateral George Friend, ex-Doncaster, além do jovem atacante Christian Burgess, ex-Arsenal. O rápido winger Carayol chega do Bristol Rovers com boas expectativas.

A principal perda para a temporada é o meia Barry Robson, eleito o jogador do ano no clube; ele foi para o Vancouver (CAN) jogar a MLS. Matthew Bates, Justin Hoyte, Bart Ogbeche e Malaury Martin não tiveram os pedidos de aumento salarial atendidos e não renovaram seus contratos. O Boro é uma força a ser considerada na temporada, com um ataque invejável, e considerado por muitos o melhor da Championship, com Scott McDonald, Emnes e Jutkiewicz. E vai brigar pelo acesso.

Time-base da temporada: Steele; Parnaby, McManus, Woodgate, Friend; Leadbitter, Bailey, Arca; McDonald, Emnes e Jutkiewicz.

*Créditos de parte do texto para Jober Gooner, dono da comunidade Premier League no Orkut    


Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2018. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis