Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 27/04/2013

Wolves 1-2 Burnley (Dicko 88'; Ings 8', Paterson 53')

O Wolverhampton vive um inferno. O time entrou em campo num Molineux absolutamente lotado, precisando vencer para tentar deixar a zona de rebaixamento. Era a grande chance, pois o time pegaria um não tão interessado Burnley. Porém, com mais um jogo cheio de erros e desespero, os Lobos acabaram derrotados por 1-2, e praticamente consolidam o rebaixamento para a League One, a segunda queda seguida após deixar a Premier League. Só um milagre daqueles salva o Wolves mas, a torcida que derramou lágrimas em alguns setores do estádio sabe que  a situação de seu clube, tão tradicional, é irreversível.

As coisas começaram a dar errado cedo. A torcida fez muito barulho apoiando mas, logo aos 8 minutos, o apoio se transformou em choro. Danny Ings recebeu passe na entrada da área e bateu no cantinho da rede, sem chances para de Vries, 0-1. O Wolves partiu pra cima com tudo mas, afobado, quase não deu trabalho ao gol de Grant no primeiro tempo. O time foi para o intervalo sob vaias.


E, aos oito minutos do segundo tempo, os piores temores dos preocupados  fãs dos Lobos foram realizados quando, após cruzamento de Ings, Paterson completou pro gol, 0-2. Dean Saunders, treinador do Wolves, respondeu fazendo uma dupla substituição na hora, lançando Bakary Sako, supostamente em forma novamente depois de uma lesão muscular que poderia deixá-lo fora da temporada, e Nouha Dicko. Pouco depois, Duff recebeu segundo amarelo e deixou o Burnley com 10.

A torcida ainda teve uma ponta de esperança quando Dicko diminuiu aos 88', num bom chute colocado. O time foi pra cima com tudo pelo menos em busca do empate, mas de novo a afobação não deixou as finalizações saírem corretas. No fim, muitas lágrimas nas arquibancadas, além de uma invasão de campo de cerca de 500 fãs. Eles protestaram contra o proprietário Steve Morgan, antes de serem detidos pela polícia.

Com a derrota, o Wolves fica com 51 pontos, 3 atrás de Barnsley e Peterborough. A única chance do time não cair é vencer o Brighton fora de casa (só aí já é meio difícil...), e torcer por derrotas do Barnsley contra o Huddersfield, e por uma derrota de goleada do Peterborough contra o Crystal Palace. Porém, a situação já é irreversível, e o Wolverhampton vai amargar seu segundo rebaixamento seguido.

Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2018. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis