Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Rafael Magiolino 03/03/2015


O Watford precisou de apenas 9 minutos para romper a defesa adversária e anotar o único gol da partida e garantir uma importante vitória para os donos da casa. O Fulham atuou melhor mesmo fora de casa, controlando a bola 58% do tempo e finalizando duas vezes a mais, mas sem conseguir ser eficiente e segue em péssimo momento no campeonato.

Foi Troy Deeney, camisa 9 do Watford, que balançou as redes. A defesa do Fulham não conseguiu afastar o perigo e após confusão na área a bola sobrou nos pés do atacante para concluir. Foi décimo quinto gol de Deeney na atual edição da Championship, ficando a dois da vice-artilharia que no momento é ocupada por Odion Ighalo, seu colega de equipe.

As melhores oportunidades para os visitantes foram pelo alto. Duas vezes de bola parada, tática padrão utilizada pelo time em partidas contra equipes mais fortes e principalmente fora de seus domínios. O atacante Cauley Woodrow e o zagueiro Shaun Hutchinson cabecearam no alvo após cobranças de escanteio, e Ross McCormack não conseguiu superar o goleiro Gomes na reta final do jogo.

O Watford chegou a 70 gols marcados na temporada e agora é o ataque com maior número de gols em todas as quatro divisões profissionais do futebol inglês. O placar foi mínimo apesar do poderoso ataque e o técnico Slavisa Jokanovic se manifestou a respeito:

"Não foi um jogo brilhante, mas eu tenho que ser otimista e positivo quando vencemos jogos assim. Eu compreendo que sempre é bom ganhar por 5x0, 3x2 ou 4x2, mas algumas vezes isso pode ser muito difícil de se conseguir."

Já o técnico do Fulham, Kit Symons, afirmou que seria justo o time ter conquistado ao menos um empate, mas disse ter ficado satisfeito no geral com a performance de seus jogadores.

O Watford  chegou aos 65 pontos, um ponto atrás do líder Middlesborough e mesma pontuação do vice Derby County, enquanto o Fulham caiu para o vigésimo lugar com 39 pontos e continua a oito distante da zona de rebaixamento.


Nottingham Forest atua mal e perde a primeira sob o comando de Dougie Freedman

Em um jogo disputado por dois times no meio da tabela que não possuem mais grandes ambições para a temporada, Charlton Athletic e Nottingham Forest protagonizaram um bom jogo no estádio The Valley.

Frédéric Bulot inaugurou o marcador logo aos 7 minutos. O atacante de Gabão, que atualmente está emprestado ao time inglês pelo belga Standard Liège, cobrou falta com perfeição por cima da barreira, não dando nenhuma chance ao goleiro Darlow.

Michail Antonio empatou aos 14. Em sua jogada característica, o ponta arrancou pelo meio, driblando a zaga, e bateu cruzado para empatar. E aos 38 minutos, ainda da primeira etapa, Bulot recebeu assistência de Lawrie Wilson e marcou o último gol da partida: 2x1.

Foi a quarta vitória do Charlton nos últimos cinco jogos disputados, enquanto o Nottingham foi derrotado pela primeira vez sob o comando do novo técnico e agora fica praticamente sem chances de chegar aos play-offs, estando onze pontos distante do sexto lugar.

O Charlton é o 12o colocado com 45 pontos e o Nottingham é o 9o com 5

Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2018. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis