Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Rafael Magiolino 21/05/2015


4 DIAS! Na segunda-feira, dia 25/05, Middlesbrough e Norwich farão a final dos playoffs da temporada 2014/2-15 da Championship, e decidem qual será o terceiro e último time que integrará a Premier League na temporada 2015/16. O duelo em Wembley diante de um esperado público acima das 80.000 pessoas será o divisor para determinar quem terá a oportunidade de jogar na elite e quem irá amargurar mais um ano na Championship, sofrendo por ter chegado tão perto e não ficar com a vaga. Começando nossa série de especiais na contagem regressiva para a final, hoje falamos mais sobre tudo que envolve esse grande duelo, os ENORMES ganhos financeiros pro vencedor e uma moral elevadíssima.

O campeonato conta com 46 rodadas, e, como todo o campeonato de pontos corridos, há um campeão (Bournemouth) e, no caso, o vice-campeão (Watford), que conseguem uma vaga direto na Premier League.

Além dessas rodadas, a Championship tem seus play-offs, a disputa entre o 3º, 4ª, 5º e 6º colocados na temporada. Então por que os play-offs são o momento mais importante de toda a temporada, sendo que o verdadeiro vencedor já está definido? Simplesmente pela questão financeira e de status no futebol inglês.

Delia Smith e Michael Wynn-Jones, casal que possui a maior parte do Norwich, poderiam montar uma boa equipe para os padrões da Premier League.

Juntamente com o desejado e sonhado acesso, a equipe vencedora receberá uma exorbitante quantia de dinheiro, fazendo com que a taça de vencedor dos play-offs não passe de uma mera formalidade. Afinal, o valor aproximado de 130 milhões de libras (R$520 milhões) é para fazer qualquer um focar primeiramente no dinheiro antes de mais nada. Ainda mais quando esse valor pode aumentar pra 230 milhões de libras se o clube em questão permanecer na elite por mais uma temporada.  Esse é o futebol moderno que presenciamos.

Com a renovação da Premier League com a Sky Sports em fevereiro por um valor acima de 5 bilhões de libras (algo em torno de R$22 bilhões), todas as cifras nas premiações envolvendo os clubes ingleses subiram consideravelmente, e na Championship a coisa não é diferente. A empresa Deloitte, uma das mais importantes do mundo dos negócios, descreve que vencer a final dos playoffs equivale ao "maior prêmio financeiro no mundo do futebol".

É evidente que a soma total provém do prêmio pela classificação, mas também pelos direitos de transmissão neste mata-mata na reta final. E também é obvio que o time que conseguir colocar a mão nesse valor estará mais do que apto a investir em reforços e dar uma renovada na infraestrutura de suas instalações.

O dono do Boro, Steve Gibson, sonha com a volta do time à Premier League pela primeira vez desde 2009 e está ciente das dificuldades que teria para tentar construir uma equipe competitiva. 

E, considerando o cenário atual, contratar nomes de relativo peso deveria estar no topo da lista de prioridades dos mandatários de ambos os clubes. Presenciamos nos últimos anos, inclusive nesta temporada, as dificuldades enfrentadas pelos "novatos" na primeira divisão.
Burnley e Q.P.R, respectivamente vice e vencedor dos play-offs do ano passado, obtiveram seu passaporte para o retorno à segunda divisão com antecedência. O campeão Leicester tinha tudo para também ser rebaixado, mas conseguiu escapar com autoridade, vencendo vários jogos no último mês.

Dificilmente se encontrarão nomes de alta qualidade disponíveis no mercado, fazendo com que a questão principal não seja gastar em quantidade. Tanto Middlesbrough quanto o Norwich contam com uma espinha dorsal interessante no elenco, sendo que os Canaries, ao que tudo indica, estaria mais apto a atuar na elite da Inglaterra, pois vários jogadores experientes permaneceram na equipe, inclusive vários que estavam na campanha do rebaixamento no ano passado.

Como já citado anteriormente, este é o momento em que os clubes que sobem de divisão tem a chance de investir tanto quanto equipes mais fracas, assim como a oportunidade de se manter na Premier League.

A diretoria que ter os 130 milhões precisará saber onde e como gastar. Se com um planejamento de menos recursos conseguiram chegar tão longe, com um incentivo financeiro como esse é possível sonhar com mais.

A final está chegando! Não deixe de acompanhar toda a preparação, o pré-jogo e o tempo real do dia mais importante da temporada com a gente! Siga-nos pelo Twitter e curta nossa página no Facebook!

Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2018. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis