Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 14/07/2018


Nome: Aston Villa Football Club
Apelido: The Villans
Estádio: Villa Park
Presidente: Tony Xia
Técnico: Steve Bruce
Última temporada: 4º (Championship)


CHEGAM: 
  • Carles Gil (La Coruña, fim de empréstimo)
  • Ritchie de Laet (Antuérpia, fim de empréstimo)
  • Andre Moreira (Atlético de Madrid, empréstimo);
SAEM: 
  • Jordan Amavi (Olympique Marselha, £10 milhões)
  • Pierluigi Gollini (Atalanta, £4.30 milhões)
  • Gabriel Agbonlahor e Christopher Samba (dispensados)
  • John Terry (fim de contrato)
A última temporada do Aston Villa foi do sonho ao pesadelo absoluto em 90 minutos. O time brigou pelo acesso durante toda a temporada, foi aos playoffs, bateu o Boro na semifinal e foi até Wembley pegar o Fulham valendo o acesso à Premier League e muitos milhões em caixa. Mas uma atuação bem ruim e a doída derrota por 1-0 jogou o clube numa crise financeira pesada. De novo.

Logo após o fim da temporada, o clube foi multado em £4,2 milhões pelo não pagamento de impostos, e ficou à beira de enfrentar uma ordem de falência. O valor foi pago nos últimos segundos dos 7 dias dados de prazo, mas escancarou os problemas vividos pelo clube, que tem como dono o chinês Toni Xia, que viu seu sonho de transformar o clube no "mais conhecido da Europa" virar um pesadelo. Xia insiste que o clube não está à venda, mas demitiu o executivo-chefe Keith Wyness, em apenas uma das mudanças que vem por aí.


Pressionadíssimo pelas leis do Fair Play Financeiro, fruto de contratações caras e infrutíferas de anos anteriores, o Villa será obrigado a vender seu principal jogador e craque, Jack Grealish, por um preço de banana até o fim da janela de transferências, e em último caso terá que vender também seu centro de treinamento. E, obviamente, o time não gastará dinheiro em nenhuma contratação, e quem chegar será de graça. E ainda não chegou ninguém novo

Sam Johnstone e Robert Snodgrass, que estavam emprestados, já se despediram, assim como John Terry, que ainda não confirmou se vai ou não se aposentar. No meio desse caos, o Villa deve manter o técnico Steve Bruce, que dessa vez será cobrado com mais força pela torcida pela péssima atuação na final contra o Fulham. Se não perder gente demais, o Villa continuará com um time forte, mas precisará de uma boa dose de sorte e competência pra brigar pelo acesso de novo.

Provável time para a temporada (4-2-3-1): Moreira; Hutton, Elphick, Chester, Taylor; Jedinak, Whelan; Bjarnason, Adomah, Hourihane; Kodjia.

Previsão Championship Brasil: Meio da tabela

Camisas da Championship à venda no Brasil? Siga o Stork Shop no Instagram!


Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2018. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis