Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 17/07/2018

Nome: Derby County Football Club
Apelido: The Rams
Estádio: Pride Park
Presidente: Melvyn Morris
Técnico: Frank Lampard
Última temporada: 6º (Championship)

ENTRAM: 
  • Mason Mount (Chelsea, empréstimo)
  • Harry Wilson (Liverpool, empréstimo)
  • Florian Jozefzoon (Brentford, £3,10 milhões)
  • Jack Marriott (Peterborough £3,40 milhões)
  • George Evans (Reading, valor não revelado);
SAEM: 
  • Andreas Weimann (Bristol City, £2.25 milhões)
  • Darren Bent, Jason Shackell, Chris Baird (dispensados)
O Derby County brigou na parte de cima da tabela, foi aos playoffs e fracassou. Estamos falando de qual temporada? A última? A penúltima? A de 4 anos atrás? Exatamente, o roteiro do Derby é tão parecido que chega a ser engraçado. A queda pro Fulham (que viria a subir) nos playoffs da última temporada foi mais um pra coleção de fracassos recentes que deixam a torcida descrente sobre qualquer coisa.

Logo após o fim do campeonato, o Derby viu o técnico Gary Rowett dar adeus pra ir treinar o Stoke City, uma saída conturbada e não muito bem aceita lá em Midlands. Mas quando todos esperavam mais do mesmo, o Derby resolveu sair do marasmo e acertou com ninguém menos que Frank Lampard, ídolo do Chelsea e que vai para sua PRIMEIRA experiência como treinador. Loucura? Talvez, mas não deixa de ser uma tentativa bastante válida.


Lampard assume um clube que vem colecionando fracassos sim, mas um clube muito bem estruturado, com um ótimo elenco e jogadores pra lá de experientes e que parecem dispostos a comprar a ideia do novo treinador, que traz muitas conquistas como jogador no currículo, conquistas que podem ajudar a deixar os problemas recentes do Derby no passado. Até agora na janela, o time só perdeu Andreas Weimann, que não era um titular absoluto, e tem como grande objetivo tentar manter Matej Vydra, artilheiro da última Championship, que tem proposta tentadora do Leeds.

Contratações, até agora, apenas duas, mas ambas excelentes: chegam o meia-atacante Mason Mount, de apenas 19 anos, vindo do Chelsea. Mount esteve emprestado ao Vitesse (HOL) na última temporada e participou diretamente de 23 gols, com 14 tentos e 9 assistências, e tem tudo pra crescer ainda mais. Já Wilson é a grande aposta da base do Liverpool, e no seu último empréstimo com o Hull jogou muito bem e foi decisivo pra manutenção dos Tigers na Championship. Ambos devem chegar com status de titulares.

O Derby não tem nenhuma posição problemática no elenco até o momento (talvez a lateral direita), tem um ótimo goleiro, um ótimo meio campo e um artilheiro dos bons, e o que é necessário é fazer quem estar lá jogar o que pode. É um desafio e tanto para um primeiro trabalho, mas Lampard parece muito empolgado com a chance, embora ainda não tenha definido claramente se vai manter o esquema ousado de 3-4-2-1 de Rowett ou se vai mudar pra algo mais convencional.. E é sempre legal ver algo novo na Championship. Se vai dar certo, só o tempo dirá.

Provável time para a temporada (4-2-3-1): Carson; Wisdom, Keogh, Davies, Olsson; Huddlestone, Johnson; Wilson, Mount, Lawrence; Vydra.

Previsão Championship Brasil: Briga pelo título

Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2018. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis