Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Classificação

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 10/04/2011

No jogo mais esperado da rodada, o jogo foi de um time só. Soberano durante os 90 minutos, o Swansea bateu o Norwich por 3-0 em confronto diretíssimo pelo acesso direto e mantém a 4ª posição com 69 pontos, e comemora a derrota do QPR, fazendo a diferença cair para 10 (!) pontos do líder.


Sabendo que Leeds e Nottingham Forest foram derrotas na rodada, as equipes sabiam o tamanho e a importância da partida, e o jogo começou bem movimentado. No primeiro lance, Dani Pacheco soltou uma bomba que obrigou o goleiro Dorus deVries a voar na bola para defender. Mas, um minuto depois disso, o Norwich sofreu o primeiro gol quando Zak Whitbread fez falta em Fabio Borini na intermediária. O jogador emprestado pelo Chelsea e da seleção inglesa sub-21 foi para a cobrança e acertou um chute perfeito, um golaço de falta que explodiu o Liberty Stadium, 1-0


O Norwich não pareceu sentir o gol e passou a pressionar com Holt e Pacheco, mas a falta de pontaria foi grande, e não deram tanto trabalho ao goleiro dos Swans. E as chances perdidas fizeram falta aos 29 minutos: O Lateral-direito Angel Rangel avançou pela direita e bateu forte, John Ruddy abafou, mas no rebote, Mark Gower emendou um lindo voleio e pôs a bola no cantinho da rede, mais um golaço, 2-0. A partir daí o Norwich se desequilibrou, e não tomou mais por sorte. Dyer e Borini perderam chances incríveis dentro da área, aproveitando a péssima partida do sistema defensivo dos Canaries.


No segundo tempo o Norwich colocou a cabeça no lugar e começou a pressionar, e forte. Numa das maiores chances do time no jogo, Holt colocou a bola na cabeça de Pacheco, que cabeceou por cima, com muito perigo. Pouco depois, Crofts recebeu passe e, livre na área, bateu parauma bela defesa de deVries com os pés. Paul Lambert sacou Crofts e Pacheco para colocar Smith e Vokes, indo com tudo para cima, mudando o esquema para um 4-3-3.


Mas a falta de pontaria e a falta de criatividade do meio campo continuavam, e a mudança pouco fez efeito. No últio lance, um passe fraco de Whitbread na recuada para o goleiro deixou Tamas Priskin com a mais simples das tarefas para rolar a bola para o gol vazio, 3-0. Tarde dos sonhos para o Swansea e dos pesadelos para o Norwich, que permanece em 2º com 70 pontos, mas perde sua primeira partida em 9 jogos. O único motivo para comemorações foi a derrota do QPR.


Cardiff vence fora de casa e permanece em 3º


Em Keepmoat, o Cardiff sofreu mais do que deveria mais uma vez, mas contando com o "super" substituto Jason Koumas, bateu o Doncaster por 1-3 e manteve a 3º posição com 69 pontos, batendo o Swansea no saldo de gols


A primeiro gol da partida foi marcado por Burke aos 15 minutos. O jogo foi fraco até os 79', quando Coppinger empatou. Mas Jason Koumas entrou no lugar de Burke e decidiu o jogo com dois gols em 5 minutos, os dois nos acréscimos, 1-3.




Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2019. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis