Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Classificação

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 15/05/2011

Nos dois jogos de ida das semi-finais dos playoffs, nada de gols. Na quinta, Swansea e Forest ficaram no 0-0, e na sexta, Reading e Cardiff repetiram o placar.


No City Ground, o jogo prometia fortes emoções desde o início, pois com apenas 2 minutos de jogo, o zagueiro Neil Taylor do Swansea foi expulso direto (pela primeira vez na carreira) por falta violenta sobre McGugan, causando uma fúria dos jogadores contra o árbitro. Parecia uma missão de hércules para os Swans segurar o ímpeto do ataque do Forest de Kris Boyd e Earnshaw, pois o técnico Brendan Rodgers foi obrigado a sacar o atacante Dobbie para colocar Garry Monk, recuperando o sistema defensivo, porém deixando Borini isolado. Mas o time galês foi brilhante durante todo o jogo e segurou o 0-0 que lhe dá boa vantagem para decidir em sua casa, o Liberty Stadium, na segunda-feira.

Mesclando uma grande partida de seu sistema defensivo com um homem a menos e uma grande partida do goleiro Dorus de Vries, o Swansea barrou os ataques do Forest. Earnshaw teve um gol anulado corretamente por impedimento no segundo tempo, e Fabio Borini quase faz o Swansea sair com um brilhante resultado, sendo barrado por duas lindas defesas de Lee Camp. A torcida do Forest saiu com uma sensação de derrota, pois sabiam que uma vitória em casa era fundamental para garantir lugar na final em Wembley dia 30. Melhor para o Swansea, que tem tudo para se classificar e fazer o clássico galês com o...


... Cardiff, que também segurou o ímpeto do Reading e com bela atuação defensiva, manteve o 0-0 e também vai decidir em casa sua vaga na final, na terça-feira.

O Cardiff começou muito bem o jogo com poderosos ataques até que o fantasma dos play-offs começou a assombrar mais uma vez aos 17 minutos. Bellamy, craque do time, sentiu uma fisgada na coxa e foi orbigado a deixar o campo, sendo substituído por Michael Chopra, que ainda não tem condições de ser titular, depois de sofrer uma lesão no tendão. Mas o Cardiff seguiu melhor na primeira etapa e quase fez 1-0 com Wittingham, que num lindo lance individual bateu forte para boa defesa do goleiro Federici, que recuperou sua titularidade à frente do gol dos Royals, barrando o bom goleiro Inglês Alex McCarthy.

Na segunda etapa, o Reading melhorou e começou a pressionar. Robson-Kanu saiu machucado para a entrada de Manset, mas o jogo permaneceu muito truncado e sem grandes chances. Bothroyd e Long fizeram partidas muito apagadas, e o 0-0 foi o merecido resultado final.

Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2019. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis