Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 03/05/2013


E chegamos ao fim da temporada! É, o tempo passou, desde Agosto de 2012 trazemos as informações de mais uma temporada espetacular da Championship e, neste sábado, acontece a 46ª e última rodada da temporada 2012/2013 da NPower Championship, que vai definir a vida de todos os clubes. Praticamente todos os jogos valem alguma coisa, e os destaques vão para a briga contra o rebaixamento nas partidas entre Huddersfield v Barnsley, Brighton v Wolves e Crystal Palace v Peterborough, que também vale briga pelos play-offs, em contraste com os grandes duelos entre Nottingham Forest v Leicester e Bolton v Blackpool. E, claro, a grande briga pela última vaga direta na Premier League, que traz o jogaço entre o vice-líder Hull City contra o já campeão Cardiff, que terá transmissão ao vivo da ESPN e que pode (de novo) definir o acesso dos Tigers caso vençam; O Watford pega o Leeds em casa e reza por uma derrota do Hull para conseguir seu acesso. É agora ou nunca!



Bolton v Blackpool 
(Luta pelos play-offs)

Depois de um começo de temporada complicado, o Bolton chega a última rodada dependendo somente de suas forças para ir aos play-offs, algo inimaginável há alguns meses, principalmente após a demissão do técnico Owen Coyle. E deixar um time tão bom e tão experiente chegar nos play-offs é um risco para todos os rivais. Os Trotters recebem o desinteressado Blackpool num Reebok Stadium que com certeza estará fervendo, precisando de uma vitória simples para garantir sua presença na pós temporada e seguir sonhando com o retorno à elite. Mas uma derrota, tira o time dos play-offs caso haja vencedor no clássico entre Forest e Leicester. E os problemas são vários: O bom zagueiro Craig Dawson foi chamado de volta de seu empréstimo pelo West Brom para desespero do técnico Dougie Freedman. Porém, o também bom zagueiro David Wheater vai pro jogo, recuperado de lesão. David Ngog, Mark Davies e Jay Spearing seguem fora. No Blackpool, o pensamento é na próxima temporada, que se espera coisas melhores de um clube que é o atual vice-campeão dos play-offs. Para o jogo, apenas o capitão Baptiste está fora, lesionado.



Brighton v Wolves 
(Luta contra o rebaixamento)

O último parafuso do caixão do Wolverhampton infelizmente será pregado neste sábado. Na vice-lanterna com 51 pontos, o Wolves já jogou a toalha e vai amargar um vexatório rebaixamento para a League One, vindo direto da Premier League, dois rebaixamento em dois anos que deixaram a torcida furiosa em relação ao (com o perdão da palavra) patético dono do clube, Steve Morgan. Os Lobos pagam caro pelos erros de administração que vem desde a demissão de Mick McCarthy ainda na Premier League, e o jogo fora de casa contra o 4º colocado Brighton só vai definir o que, infelizmente, já era esperado após o começo do ano de 2013: que mais um time tradicional deixará a Championship rumo a um futuro negro. Para o jogo, Bakary Sako é dúvida, e  David Davis, Carl Ikeme e Sylvan Ebanks-Blake permanecem indisponíveis. A única chance de sobrevivência do Wolves é vencer e esperar por uma derrota de Peterborough e Barnsley, e ainda tirar um saldo de 4 gols. Já o Brighton está "na boa", garantido nos play-offs, na 4ª posição, o time só espera o adversário nas semi-finais onde fará o segundo jogo em casa, e que pode ser um clássico daqueles contra o Crystal Palace. Para o jogo, Inigo Calderón está suspenso, e o lateral Bruno é a grande baixa, com uma lesão na panturrilha que vai tirá-lo até dos play-offs.


Huddersfield v Barnsley 
(Luta contra o rebaixamento

A última rodada foi cruel com o Barnsley. Os Tykes fizeram um grande jogo em casa, venceram o vice-líder Hull City por 2-0 evitando o acesso do rival... e não deixaram a zona de degola, graças a vitória do Peterborough. O time está com 54 pontos, e está na zona de rebaixamento pelo saldo de gols, 6 a menos que o Posh. O time vai até o John Smith Stadium pegar o ainda ameaçado Huddersfield com só um propósito: vencer. Se conseguir, os Tykes ultrapassam o próprio Huddersfield, se livram da queda e garantem mais uma temporada na Championship. Para o jogo, o meia Stephen Dawson retorna de lesão, assim como Rory Delap e Jacob Mellis, deixando o time sem nenhum problema para a decisão. Já o Huddersfield tem 57 pontos, e estaria tranquilo se não fossem os -20 gols de saldo, que ainda podem rebaixar o clube caso perca, e Millwall, Posh e Wednesday vençam. Um empate resolve a história. Neil Danns, Danny Ward e Jermaine Beckford tem pequenas lesões mas devem ir no sacrifício.


Crystal Palace v Peterborough 
(Luta pelos play-offs e contra o rebaixamento

NOVE jogos sem vencer. Essa é a vida do Crystal Palace na Championship no momento. Os Eagles, que chegaram a brigar firme pelo título vem numa decaída impressionante, e chegam à última rodada com risco real de nem ir aos play-offs, o que seria algo completamente vergonhoso. O time recebe o desesperado Peterborough, num jogão que tem tudo pra ser espetacular. Em 5º lugar com 69 pontos, o Palace precisa apenas de um empate contra o Posh, em Londres, para garantir sua presença nos play-offs, provavelmente para enfrentar seu grande rival, Brighton. Mas até empatar atualmente é complicado. Para a decisão, Paddy McCarthy não joga com um problema na virilha, e Jonathan Parr está afastado por longo tempo devido a uma lesão nos ligamentos do tornozelo. Já o Pterborough vem de vitória fundamental em casa contra o Weednesday que os manteve fora da degola, mas a situação ainda é delicada. Se perder e o Barnsley conseguir pelo menos um empate, o time estará novamente na League One. Logo, conseguir mais um feito fora de casa é fundamental, para um clube que já venceu Cardiff e Hull fora de casa. Darren Ferguson, outra vez tentando livrar o time do rebaixamento, não tem nenhum problema de lesão ou suspensão.


Nottingham Forest v Leicester 
(Luta pelos play-offs)

Clássico decisivo e com certeza bem dramático em City Ground, que pode colocar um dos dois nos play-offs, ou fazer com que morram abraçados. O Forest é o 7º, tem a mesma pontuação do Bolton, mas 3 gols de saldo a menos. Com isso, o time precisa vencer o Leicester e torcer muito para que o Blackpool segure o Bolton, OU vencer por goleada e torcer para que o Bolton vença por pouco. Complicado, mas não impossível, pois vale tudo para manter vivo o tão sonhando retorno à elite. O meia Chris Cohen é dúvida com dores na coxa, mas o atacante Darius Henderson volta de suspensão. Já o Leicester tem a missão ainda mais complicada: vencer e torcer por uma derrota do Bolton, já que o time está em 8º com 65 pontos, dois atrás dos Trotters. Mais uma temporada longe das brigas pelo acesso seria decepcionante pra todo mundo e pode causar a demissão do técnico Nigel Pearson. Os Foxes não vencem o rival Forest em City Ground desde 1972(!), e vão para o jogo sem novos problemas de lesão.


Watford v Leeds 
(Luta pelo acesso)

O Watford conseguiu diminuir a desvantagem para o Hull para um pontinho após grande vitória em Leicester contra os donos da casa por 1-2, com direito a uma gol antológico de Chalobah. Mas, nesta última rodada, não há outra opção: é vencer e torcer. Torcer muito pelo Cardiff, que enfrenta o Hull. O Watford recebe um Leeds de férias ainda com a chama da esperança, do acesso direto, acesa. Se os Hornets vencerem e o Hull não vencer o Cardiff, o Watford estará de volta à Championship sete anos após sua queda. E o time conta que Malky Mackay, técnico do Cardiff e que começou a carreira no Watford, onde ainda é lembrado, dê aquela "mãozinha". Porém, se o Hull vencer, o time vai ter que se contentar com os play-offs, onde entrará como franco favorito, mas precisará  mostrar muito futebol para vencer um provável confronto contra o Bolton. Para a "final", John Eustace e Fitz Hall podem estar disponíveis, recuperados de lesão. Chalobah, Abdi, Deeney e Vydra formam o poderoso quarteto ofensivo de Gianfranco Zola, que tenta transformar seu belo trabalho em um resultado que seria brilhante ao simpático treinador italiano. No Leeds, planejamento para a próxima temporada: O time anunciou várias dispensas hoje, e vai pro jogo sem Rodolph Austin e El Hadji Diouf, suspensos.





Hull City v Cardiff 
(Luta pelo acesso)

O confronto mais aguardado da temporada acabou ficando para a última rodada, e é decisivo apenas para um. O Hull City faz neste sábado sua grande final de campeonato recebendo o já campeão Cardiff com a última chance de conquistar o acesso direto após dois vergonhosos tropeços nas ultimas rodadas contra times que estão na parte de baixo da tabela. O acesso poderia ter vindo aos Tigers há duas rodadas, mas o time só empatou em casa com o rebaixado Bristol. Poderia ter vindo na rodada passada com uma vitória simples, mas o time foi dominado pelo Barnsley completamente e perdeu por 2-0. Agora, o último ato é contra o Cardiff, e de novo só a vitória interessa, já que os vacilos deram ao Watford a chance de encostar na tabela, um ponto atrás.

Vencer significa Premier League. Perder provavelmente significará disputar os play-offs e dar um vexame daqueles, de um time que esteve SETE pontos a frente do Watford há três rodadas atrás. O Hull foi criticado durante toda temporada por jogar um futebol feio e burocrático, em contraste com o belo jogo apresentado pelo Watford de Zola. Porém, as 23 vitórias na competição são inquestionáveis. Para o jogão, o capitão e craque Robert Koren pode finalmente voltar, já que fez enorme falta nos jogos passados. O meia esloveno ainda sente dores na panturrilha, mas deve ir no sacrifício. O time não tem mais problemas de lesões ou suspensões, e Boyd deve fazer de novo a dupla de ataque com Fryatt.

Já o Cardiff é o campeão, planeja a sua presença na próxima Premier League, mas se engana quem pensa que o time vai facilitar a vida do Hull. Muito pelo contrário. Malky Mackay, técnico dos Bluebirds, começou a carreira no Watford, ainda é bastante lembrado por lá e tem grande apreço pelo clube, e já avisou que vai fazer de tudo para ajudar. E para o jogo o time tem uma grata surpresa: Nicky Maynard, excelente atacante que veio do West Ham, retornou aos treinos após oito meses lesionado e pode estar no banco. Os Bluebirds vão com o que tem de melhor, prometendo mais um grande jogo de futebol que (finalmente) será transmitido ao vivo pela ESPN. Vai perder?



Sábado, 04 de Maio - TODOS os jogos às 08h45

Birmingham v Blackburn
Bolton v Blackpool
Brighton v Wolves
Burnley v Ipswich
Charlton v Bristol City
Crystal Palace v Peterborough
Derby v Millwall
Huddersfield v Barnsley
Hull v Cardiff - ESPN 
Nottm Forest v Leicester
Sheff Wed v Middlesbrough
Watford v Leeds United



Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2019. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis