Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 02/03/2014


O jogo mais importante da temporada, e que tinha tudo pra ser também o melhor da temporada, infelizmente foi decidido por um gravíssimo erro de arbitragem. O Burnley recebeu um desfalcado Derby no lotado Turf Moor e foi melhor durante todo o primeiro tempo, abrindo o placar com um golaço de Jones. Porém, já aos 41', o atacante Chris Martin sofreu claro pênalti, mas o árbitro Robert Madley não deu e ainda expulsou o jogador por simulação. No fim, o Burnley aionda marcou mais um com Marney e conseguiu fundamental vitória, abrindo 5 pontos do próprio Derby e ficando mais próximo da elite.

Enquanto o Burnley foi com time completinho e com sua dupla poderosa de ataque, com Ings e Vokes em ótima fase, o Derby foi com um time com problemas e até estranho, já que os melhores jogadores do time estavam na banco: Craig Bryson e Jamie Ward não estava 100%, e o jovem Patrick Bamford, estranhamente, foi banco pra Johnny Russell. Sem Bryson pelo meio e sem Ward para desafogar as jogadas, os Rams foram engolidos pelo Burnley durante quase todo o primeiro tempo.

Os Clarets mantiveram a posse de bola, chegando a marcar mais de 75% até os 25 minutos, e tentando ataques pelas laterais com Mee e Trippier, mas sempre bem marcados pelo sistema defensivo do Derby. A primeira chance, e o primeiro gol, vieram aos 28': Kightly avançou pela lateral, ganhou de Wisdom que foi mal na jogada e ficou engatinhando no chão, tocou para Ings na área, que tocou para o meia David Jones acertar um lindo chuite por cobertura pra vencer Grant, GOLAÇO e 1-0 no placar pra delírio da torcida.

Depois disso, o Derby acordou e começou a tentar atacar. E, aos 42', veio o lance capital do jogo: Dawkins fez boa jogada individual pelo meio e rolou para Chris Martin na área, o atacante nem chegou a tocar na bola e foi derrubado no pé de apoio por Trippier, e ainda no rebote Russell fez o gol num chute cruzado. O juiz? Não deu o gol, não marcou o pênalti claríssimo e ainda deu o 2º amarelo para Martin por simulação, deixando o Derby com 10 pra desespero dos jogadores em campo. Erro gravíssimo e decisivo.

Decisivo porque jogar com 10, contra o vice-líder, fora de casa e perdendo o jogo, é quase impensável pensar que o Derby poderia conseguir algo de mais. Mesmo com as entradas de Sammon e Bamford, os Rams até tentaram o gol, mas sofreram com a falta de um jogador. E, aos 68', o Burnley matou o jogo: em cobrança de escanteio ensaiada, Jones achou Ings que bateu de primeira, a bola explodiu na zaga e sobrou limpa para Dean Marney fuzilar, 2-0.

Com a vitória, o Burnley vai a 66 pontos e mantém a invencibilidade em casa na temporada. Já o Derby fica com 61, em 3º.



Bolton "ressurge", goleia o Blackburn e se afasta do rebaixamento


O Bolton acordou pra vida. Depois de vencer o Watford na última rodada, os Trotters receberam o Blackburn e golearam impiedosamente por 4-0, se afastando do rebaixamento e praticamente tirando o Blackburn da briga pelos play-offs.

Medo Kamara abriu o placar de cabeça aos 23', após boa tabela entre Danns e Jutkiewicz. Aos 45', Joe Mason ampliou após rebote do goleiro Kean em chute de Danns. Logo aos 47', Spearing fez mais um em chutaço de longe que cruzou a linha por pouco após bater no travessão. E, já aos 90', o brasileiro Andre Moritz completou a goleada, 4-0.

O Bolton vai a 36 pontos, ainda em 18º, mas 9 pontos acima da degola. Já o Blackburn, que sonhava com play-offs, fica agora em 10º com 46 pontos, 6 a menos que o Wigan, e sem contar com os gols de Jordan Rhodes, que não marca há mais de 10 jogos. 

Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2018. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis