Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 14/03/2014


Está chegando a hora! A Championship alcança neste sábado a sua 36ª rodada, com todos os 12 jogos, e vários extremamente decisivos, faltando apenas 11 rodadas para o fim da temporada. Obviamente, cada ponto pode ser extremamente decisivo, e vários duelos diretos vão tirar o fôlego da galera. Destaques para Leicester v Blackpool, Burnley v Leeds, Reading, v Derby, QPR v Yeovil, Ipswich  Wigan, e claro para o grande jogo da rodada, "The South London Derby" entre Charlton v Millwall, briga diretíssima contra o rebaxamento que pode complicar a vida de quem perder. 

Leicester v Blackpool - QUINZE pontos a frente do 3º colocado, há 16 jogos sem perder, 8 vitórias nos últimos 10 jogos. A brilhante campanha do virtual campeão Leicester é soberba em todos os sentidos, e os Foxes recebem o Blackpool para manter a excelente fase e galgar mais um degrau rumo à Premier League, que não disputa desde 2004. Dependendo dos resultados, o time pode chegar a 18 pontos de diferença para o 3º, e praticamente selar a volta à elite depois de anos de tentativas frustradas. Para o jogo, o lateral Konchesky retorna de suspensão, e Nigel Pearson vai mandar o já conhecido time titular à campo. Já o Blackpool finalmente deu fim a uma bizarra sequência de 18 (DEZOITO!) jogos sem vencer ao bater o Millwall por 1-0 em duelo de vida ou morte contra o rebaixamento. Os Tangerines pularam para 18º com 38 pontos, já 9 acima da degola, mas ainda longe de uma salvação total. Para o complicado duelo contra o líder, o atacante Tom Barkhuizen e o zagueiro Kevin Foley estão lesionados.

QPR v Yeovil - O QPR vem de mais uma derrota fora de casa, desta vez para o Brighton, que praticamente acabou com as chances de acesso direto. O time vai passar pelo desespero dos play-offs, e recebe o desesperado Yeovil pra pelo menos tentar alcançar a 3ª posição, pouco para um time que tanto investiu. Para o jogo, o time segue com vários e graves problemas ofensivos, já que Kevin Doyle, Andy Johnson e Bobby Zamora seguem lesionados, enquanto Charlie Austin, disparado o que mais faz falta, ainda se recupera de problema no ombro. Já o Yeovil é o primeiro time fora da degola com 29 pontos, 2 atrás do Millwall, mas vem de derrota contra o Ipswich em casa que complicou as esperanças do time. Para o jogo, o atacante Joel Grant está lesionado, e o meia Joe Ralls, suspenso.

Reading v Derby - Duelo direto pelos play-offs e importante demais para ambos. O Reading vem de grande vitória fora de casa por 2-4 contra o Leeds, que fez o time recuperar a 6ª posição, mas empatado com o Wigan e com dois jogos a mais. Com chances reais de nem ir pros play-offs, os Royals recebem o 3º colocado Derby com problemas: Danny Williams, Pavel Pogrebnyak e Garath McCleary são dúvidas, enquanto Wayne Bridge e Sean Morrison seguem sem previsão de retorno. Já o Derby voltou a ser assombrado pelo "Fantasma de Pride Park", que assola o clube há muitos anos. Recebendo Millwall e Bolton nas duas pultimas rodadas, jogos "ganháveis" que fariam o clube encostar nos líderes, foram uma derrota e um empate, que deixaram o time 8 pontos atrás do vice-líder Burnley e bem longe do sonho do acesso direto. Para não se complicar mais e arriscar perder a 3ª posição, os Rams vão ao Madejski Stadium sem novos problemas de lesão, e só Will Hughes é dúvida com dores no joelho, mas deve jogar.

Ipswich v Wigan - Com 51 pontos, em 9º lugar e vindo de vitória contra o Yeovil, o Ipswich segue tentando voltar à briga pelos play-offs, e recebe o 6º colocado Wigan precisando vencer o confronto direto, mesmo pegando um adversário que vem voando baixo. Para o jogo, Frank Nouble, Anthony Wordsworth e David McGoldrick estão fora, lesionados. Já o Wigan vem de suada vitória contra o Sheffield Wednesday, a 6ª em 7 jogos, e quer manter o embalo em Portman Road, podendo entrar já nessa rodada nos play-offs, e com dois jogos a menos. Para o duelo, o atacante Nick Powell é importante volta, recuperado de lesão. Shaun Maloney e Gary Caldwell seguem machucados, mas já próximos de um retorno.

Burnley v Leeds - Os Clarets vem de empate até certo ponto frustrante contra o Birmingham em 3-3, onde vencia até o finalzinho, mas longe de ser um resultado ruim, pois o time manteve 8 pontos de diferença para o Derby na vice-liderança. O time recebe o Leeds que vem em queda livre precisando vencer para se manbter tranquilo na zona de acesso, mas vai pro jogo com uma dúvida pairando no ar: Danny Ings, melhor jogador do time, vice-artilheiro da temporada e indicado a melhor da temporada (prêmio que será entregue Domingo), saiu lesionado contra o Birmingham e preocupou muito, mas o técnico Sean Dyche afirmou categoricamente que o atacante vai pro jogo. Caso Ings fique fora, Ashley Barnes vai pro jogo com Sam Vokes. Já o Leeds vem de mal a pior. Há 5 jogos sem vencer, o time caiu pra 15º, já sem chances de acesso (de novo), e vive grande imbróglio em relação à venda do clube para Massimo Cellino, que anda enrolado com a justiça pra F***r de vez com a vida dos Whites. Para o jogo, que também vai marcar o duelo dos dois maiores artilheiros da temporada, já que Ross McCormack está confirmado (e que também concorre ao prêmio de melhor da temporada), o único desfalque confirmado é Jimmy Kebe, que tem forte gripe.

Millwall v Charlton - Um clássico já tem uma atmosfera especial. Um clássico londrino de dois clubes separados por poucas milhas atrai mais atenção ainda. Um clássico londrino de dois clubes separados por poucas milhas e que lutam desesperadamente contra o rebaixamento é pra parar a capital Inglesa! Millwall e Charlton fazem o clássico do Sul de Londres, "The South London Derby", com objetivos claros e manifestos: vencer pra respirar. O Millwall vem de derrota para o Blackpool que complicou demais a vida do time, que segue beirando a degola com 31 pontos, já 5 atrás do Doncaster, e recebe um Charlton que é o lanterna com 28, mas com QUATRO (!) jogos a menos. Logo, vencer é questão de vida ou morte, e a torcida (mesmo brava) já prometeu apoio total, e vai lotar o New Den. Para o clássico, o atacante DJ Campbell e o zagueiro Danny Shittu estão fora, lesionados, e o último pode nem jogar mais na temporada. Já o Charlton estreou o novo técnico Jose Riga na última rodada, mas não saiu de um empate em 0-0. Os Addicks tem sim muitos jogos a menos, mas precisam começar a vencer, pois esses jogos só fazem diferença se forem ganhos. Se vencer o Millwall, o time ultrapassa o rival pelo saldo e já tem boas chances de deixar a degola nesta rodada. Para jogo tão importante, o novo treinador não tem novos problemas de lesão.

Sábado, 15 de Março

12h00 - Bolton v Brighton
12h00 - Bournemouth v Middlesbrough
12h00 - Burnley v Leeds
12h00 - Huddersfield v Blackburn
12h00 - Ipswich v Wigan
12h00 - Leicester v Blackpool
12h00 - Millwall v Charlton
12h00 - Nottm Forest v Doncaster
12h00 - QPR v Yeovil
12h00 - Reading v Derby
12h00 - Sheff Wed v Birmingham
12h00 - Watford v Barnsley


Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2019. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis