Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 11/05/2014


Neste domingo, após o fim da Premier League, o Derby recebeu o Brighton querendo dar um "até o ano que vem" para o campeonato conquistado pelo Man.City. E começou a realizar o sonho de dizer essas palavras em grande, grande estilo. Os Rams, mesmo sem seu grande jogador, Craig Bryson, fizeram uma partida perfeita em todos os sentidos e deram um show ofensivo, goleando o Brighton por 4-1, nada menos que 6-2 no agregado, para conquistar uma contundente vaga na final em Wembley dia 24, pra pegar QPR ou Wigan, que se pegam amanhã. O sonho está cada vez mais próximo!

Mesmo tendo vencido por 1-2 o jogo de ida, e tendo uma grande vantagem, podendo até empatar para ir a final, o torcedor do Derby ficou tenso antes do início do jogo: Craig Bryson, melhor do time na temporada, sentiu lesão nas costas e não foi nem relacionado. Mas, provando que tem um bom elenco, Bryson foi substituído pelo também ótimo Will Hughes, que mais uma vez se mostrou decisivo. Melhor jogador jovem da temporada e presente na lista dos melhores 11 da Championship, Hughes foi o principal nome dos Rams no primeiro tempo.


O Derby conseguiu dominar o jogo desde o início, mantendo a posse de bola, e praticamente não foi ameaçado pelo Brighton, que mesmo precisando de gols outra vez fez um jogo muito ruim, embora tenham reclamado (com razão) de uma falta cometida por Hendrick em Ince, que poderia ter sido expulso tranquilamente, e ainda sofrendo com a lesão do zagueiro e capitão Greer, que deu lugar ao jovem, Chicksen logo aos 15'. Aos 34', o Derby transformou a superioridade em gol. E que gol. Forsthy recebeu na ponta e chutou rasteiro pra área, Hughes arrumou uma linda letra e a bola morreu no cantinho de Kuszczak, 1-0. GOLAÇO e delírio da torcida.


Na única chance do Brighton no 1º tempo, Ulloa recebeu lançamento de Lingard e chutou, mas o goleiro Grant ficou gigante na frente do argentino e defendeu com os pés. No segundo tempo, a superioridade, tanto moral quando em qualidade técnica, transformou o jogo num atropelo. Aos 56', em jogada característica desse bom meio campo dos Rams, o time trocou passes por quase um minuto até Russell cruzar na área, Ward ajeitar de cabeça e Chris Martin chegar fuzilando pra fazer seu 23º gol na temporada, 2-0. Festa nas arquibancadas de Pride Park.

Depois do 2º gol, o Brighton sucumbiu totalmente e se entregou no jogo, e mais uma vez fazendo partida lamentável. Aos 76', Ruseell tentou chute, a bola bateu na zaga e sobrou para George Thorne, que acertou um chute perfeito de fora da área pra fazer mais um golaço, 3-0. Aos 87', Hendrick avançou, avançou, avançou, e sem marcação alguma tabelou com Bamford e bateu no meio do gol, 4-0. Classificação garantida e festa apenas começando em Midlands, tanto que os torcedores mal viram o gol de Lua-Lua aos 89' pra diminuir um pouco o vexame do Brighton, 4-1. No fim, invasão do gramado de Pride Park e muita, MUITA festa.


O Derby garante sua vaga na final do dia 24, e chega com MUITA força pra disputar a vaga na Premier Legaue, onde onde foi rebaixado em 2008, pra tentar apagar a pior campanha da história (13 pontos) Se for contra o QPR, os Rams entram como favoritos. Se for contra o Wigan, é 50-50%, devido a força copeira dos Lactics, principalmente em Wembley. Mas, com a força ofensiva, e com a ótima fase do goleiro Grant, o Derby tem grandes chances de voltar à elite.

Já o Brighton cai nos play-offs pela segunda vez, dessa vez de forma triste, e deixa seu torcedor furioso, principalmente pelas péssimas partidas contra o Derby. O treinador Óscar Garcia, que já vinha sendo questionado há muito tempo logo após sua chegada, depois da demissão (ridícula) de Gus Poyet, agora fica mais pressionado, e segundo a Sky Sports inglesa entregou um pedido de demissão à diretoria dos Seagulls. Embora não tenham confirmado, mudanças deverão acontecer no clube.

Parabéns Derby!

Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2018. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis