Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Classificação

Artilharia

Postado por : @olucas19 31/07/2014


Nome: Watford Football Club
Apelido: The Hornets
Estádio: Vicarage Road
Presidente: Rafaelle Riva
Treinador: Giuseppe Sannino
Última Temporada: 13º (Championship)

Contratações: Heurelho Gomes (Tottenham Hotspur, free), Gabriel Tamas (Doncaster Rovers, free), Craig Cathcart (Blackpool, free), Lloyd Dyer (Leicester City, free), Matej Vydra (Udinese, empréstimo), Daniel Tozser (Parma, empréstimo), Keith Andrews (Bolton, empréstimo), Odion Ighalo (Udinese, empréstimo).

Saídas: Manuel Almunia, Marco Cassetti, Ross Jenkins, Nyron Nosworthy, Fitz Hall, Lucas Neill, Albert Riera (todos dispensados), Bobson Bawling (Crawley Town, free).

As duas últimas temporadas foram distintas para o Watford. Enquanto em 12/13 o time chegou aos playoffs e quase conseguiu o acesso, a Championship 13/14 foi apenas regular. O décimo terceiro lugar na tabela foi decepcionante para um time que começou como grande favorito ao acesso, resultado de um campeonato com muitas oscilações. Apesar de um bom começo, os Hornets sucumbiram ao extenso número de jogos e ficaram distantes do top 6. Sendo assim, para esta temporada, os 'Orns sonham em repetir a campanha de dois anos atrás e voltar à Premier League.

O treinador do clube de Hartfordshire continuará sendo Giuseppe Sannino, que assumiu a equipe em dezembro de 2013 após a (estranha) saída de Gianfranco Zola. Sannino tem 57 anos e já dirigiu várias equipes italianas, tais como o Siena, Palermo e Chievo Verona, sendo este seu último clube antes de assumir o Watford, que é presidido e comandado inteiramente por... italianos.


Sannino irá contar com um elenco razoável, que vêm se reforçando em todos os setores. Um dos reforços é o goleiro brasileiro Gomes que, após ficar encostado no Tottenham, acertou com o Watford, e vai tentar voltar a jogar num bom nível que há tempos não mostra. Entretanto, a principal esperança dos Hornets está no retorno de Matej Vydra, atacante tcheco que retorna ao clube por empréstimo vindo da Udinese outra vez. Vydra participou ativamente da ótima campanha do Watford na Championship 12/13, tendo marcado 20 gols em 41 partidas disputadas. Além disso, o atacante foi eleito, à época, o melhor jogador da segunda divisão inglesa, com destaque para os seus dois gols marcados na antológica semi-final dos playoffs ante o Leicester.

Também chegam ao clube os defensores Gabriel Tamas e Craig Cathcart, pra tentar dar ao time uma força defensiva que tanto faltou nas últimas temporadas. O meia Keith Andrews coloca mais um time da Championship no currículo, e agora vai tentar a sorte no Watford, enquanto o experientíssimo Lloyd Dyer chega depois de uma temporada boa no Leicester para dar experiência à equipe. Chega ainda o bom meia  húngaro Daniel Tozser vindo do Parma outra vez por empréstimo, e o atacante nigeriano Odion Ighalo, mais um vindo da Udinese.


As saídas ficam por conta do goleiro Manuel Almunia, que encerra um ciclo de relativo sucesso no clube, além do (horroroso) defensor Marco Cassetti, que não deixará saudades, e outros. Mas a principal perda ainda pode estar por vir: Troy Deeney, melhor jogador do time na última temporada, e que fez dupla infernal com Vydra há duas temporadas, pode estar de saída para o QPR e faria enorme falta. O time tem tudo pra ser bem diferente nesta temporada, e a expectativa é pra ver como Sannino montará o time.

O Watford estreia contra o Bolton, em casa, no dia 9 de agosto. A caminhada começará diante de sua torcida, que espera que dessa vez o time consiga atender às expectativas e, quem sabe, alcançar o almejado acesso.

Provável time base (3-5-2): Gomes; Angella, Tamas, Ekstrand; Cathcart, Merkel, Toszer, Battochio, Anya; Vydra, Deeney (Forestieri)

Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2019. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis