Classificação

Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Artilharia

Postado por : Jorge Lima 16/08/2014




Não foi tão fácil como na estréia, mas o Bournemouth venceu mais uma na Championship. Graças a Junior Stanislas, os Cherries derrotaram o esforçado Brentford por 1-0 em Goldsands, resultado que mantém o time com 100% de aproveitamento na competição.

Após o passeio contra o Huddersfield fora decasa na estréia, o Bournemouth entrou em campo disposto a causar uma boa impressão à sua torcida em seu primeiro jogo em casa. E tal como o jogo em Huddersfield, os Cherries começaram em ritmo acelerado. Matt Ritchie foi o primeiro a se arriscar, mas o goleiro Button estava atento para fazer a defesa.  Na sequência, o Brentford causou o primeiro susto na torcida da casa. Andy Gray arriscou e a bola carimbou a trave do goleiro Camp.

Os Bees, que já haviam feito uma boa estréia contra o Charlton, seguiam causando problemas no jogo, principalmente nas bolas paradas. Em uma dessas, Camp foi forçado a fazer uma ótima defesa em chute de Odubajo. Antes do intervalo, o Bournemouth teve sua melhor chance no jogo até então. Yann Kermorgant recebeu e chutou com efeito, mas a bola saiu raspando a trave.

No segundo tempo, o Bournemouth começou do jeito que no primeiro. Dominando as ações e quase abrindo o placar. Callum Wilson recebeu desmarcado na área e chutou, mas Bidwell apareceu bem pra salvar em cima da linha. O Brentford seguiu ameaçando nas bolas paradas e o gol quase saiu em uma cobrança de falta de Pritchard. Mas Camp, mais uma vez, apareceu bem pra mais uma ótima defesa.

Foi aí que Eddie Howe resolveu mexer e promoveu a entrada de Junior Stanislas. E o winger levou só 6 minutos pra retribuir a confiança do técnico. Após cruzamento de Frazer, o ex-jogador do Burnley mandou pra rede, finalmente abrindo o placar do jogo.

O Brentford não desistiu, mas as jogadas seguiam se resumindo à bolas paradas. Ainda assim, Pritchard forçou Camp a mais uma defesa em mais uma cobrança de falta. No fim, Stanislas ainda teve a chance de marcar mais um, mas o bloqueio de Craig evitou que o prejuízo do Brentford fosse maior.


No duelo de opostos, Gestede marca dois e Blackburn vence o Blackpool



Favorito ao rebaixamento, o Blackpool segue dando poucos sinais de evolução nesse início de temporada. Mesmo jogando em casa, os Tangerines foram superados pelo embalado Blackburn por 2-1, dois gols de Rudy Gestede.

Os Tangerines fizeram um verdadeiro "pacotão" de contratações, com 16 caras novas chegando ao clube nas últimas 2 semanas. Uma delas foi anunciada horas antes do jogo. Nile Ranger é mais uma opção pro ataque. E diferente da estréia, Jose Riga conseguiu escalar o banco de reservas inteiro para o jogo.

 Mas como já era esperado, o Blackpool mostrou sinais claros de falta de entrosamento, om muitos erros de passe e posicionamento. Melhor pro Blackburn, que chegou à liderança no placar. Após um escanteio mal sucedido do time da casa, Joshua King puxou o contra-ataque e rolou pra Jason Lowe. O seu chute explodiu no defensor mas sobrou pra Gestede, que aproveitou bem o rebote e mandou pro gol. Quase no intervalo, o Blackburn quase ampliou com Hanley. mas sua cabeçada saiu por cima do gol de Lewis.

No segundo tempo, o Blackburn voltou mais "aceso" que no primeiro tempo e tratou de matar qualquer iniciativa de reação do Blackpool logo aos 2 minutos. Conway recebeu na esquerda e cruzou na medida pra Gestede marcar o seu segundo gol no jogo.

Mas o que parecia um beco sem saída ganhou ares de esperança pro time da casa 6 minutos depois, graças a um erro de Robinson.  Cywka arriscou da entrada da área, o goleiro do Blackburn foi na bola, mas a deixou passar por baixo do seu corpo. Same old Robinson. E o mesmo Robinson quase entregou outro gol minutos depois. Após chute de Lundstram, o goleiro se enrolou e soltou a bola nos pés de Miller, que por sorte, teve o chute bloqueado.

No final do jogo, Delfouneso ainda tentou o último respiro de esperança pro Blackpool em busca do empate, mas o seu chute foi facilmente afastado pela defesa do Blackburn.

Com o resultado, os Rovers chegam à impressionante marca de 14 jogos sem perder na Championship. Com os 4 pontos ganhos, o time de Lee Bowyer dá continuidade ao bom fim de temporada em 13/14 e se coloca entre os primeiros na classificação. Já o Blackpool, é um dos 4 times sem pontos em duas rodadas. E pior que isso. Se somar o jogo pela copa da Liga, os Tangerines perderam todos os jogos desse início de temporada. O entrosamento tem que vir logo se eles quiserem mudar o prognóstico para o restante da temporada.






Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2018. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis