Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Classificação

Artilharia

Postado por : Jorge Lima 18/10/2014



Tudo caminhava para uma vitória tranqula do Wolverhampton no The Den. Com 3 gols em 65 minutos, a terceira derrota em 4 jogos do Millwall parecia sacramentada. Mas, com uma reação incrível e dois gols do veterano Ricardo Fuller, os Lions foram buscar o resultado e saíram de campo com um empate por 3-3. Empate com sabor de vitória.

O time da casa tomou a iniciativa e teve um volume maior de jogo nos primeiros minutos. Scott McDonald e Lee Gregory tiveram boas chances de abrir o placar, mas desperdiçaram. E quem não desperdiçou foi o Wolverhampton. Briggs afastou, Sako cruzou e Batth abriu o placar para os visitantes.

Antes do intervalo, o Millwall reclamou de um suposto penalti em cima de Lee Gregory, mas o árbitro deixou seguir.

O segundo tempo começou com duas boas chances do Millwall de empatar. primeiro, Gregory cruzou pra cabeçada de McDonald, direto na trave. Depois, O'Brien entrou pela esquerda mas chutou em cima do goleiro Ikeme. Mas quando o empate do time da casa parecia próximo, o Wolves marcou dois gols em 3 minutos. James Henry cobrou falta na trave e no rebote, Ebanks-Landell ampliou. E depois, Bakary Sako marcou o terceiro em cobrança de falta.

3 minutos depois, quando uma boa quantidade de torcedores do Millwall já tinha ido embora, Lee Gregory marcou o "gol de honra" dos lions. Àquela altura, parecia só um gol de consolação, o que mudou aos 37 minutos, quando o veterano Ricardo Fuller aproveitou toque de McDonald para marcar o segundo do time da casa. e aos 42, aconteceu o improvável. Fuller recebeu, girou e chutou forte pra empatar o jogo, pra delírio da torcida dos Lions.

O final do jogo ainda reservou algumas emoções. Evans avançou livre mas foi derrubado por williams, que acabou expulso. Na cobrança da falta, Sako teve a chance de garantir a vitória pro Wolves, mas parou em uma defesa espetacular do goleiro Forde.

Apesar da reação, o Millwall ainda segue em maus lençóis na temporada. O time completou o sétimo jogo sem vencer e ocupa o 18º lugar com 13 pontos, a 3 pontos da zona de rebaixamento. O tropeço deixa o Wolves em 7º com 20 pontos, 4 a menos que o líder, Watford


Embalado, Middlesbrough vence o Brighton e sobe pra terceiro





O bom início de temporada do Middlesbrough continua. O time tirou proveito da má fase do Brighton e voltou pra casa com uma vitória por 2-1, resultado que coloca o time de teesside no terceiro lugar, ampliando sua invencibilidade para 7 jogos.

Apesar do bom início do Brighton, foi o Boro quem abriu o placar aos 8 minutos de jogo. Leadbitter lançou pra Adam reach, que tocou pra Lee Tomlin marcar o seu primeiro gol na temporada.

No segundo tempo, o Brighton tentou começar no mesmo ritmo do início do primeiro. E quase empatou o jogo com Paddy McCourt. o jogador avançou, passou por três, mas na hora da finalização, chutou por cima. Mas mais uma vez, o Boro se mostrou mais incisivo e ampliou também aos 8 minutos da etapa final. Ayala cruzou pra Adomah, que precisou chutar duas vezes pra marcar o segundo dos visitantes.

O Brighton seguia mostrando os problemas de sempre na criação das jogadas. Mas ainda assim, teve duas chances pra diminuir com O'Grady e Bennett, mas Konstantopoulos esteve atento pra fazer duas defesas tranquilas.

Perto do fim, o Brighton finalmente diminuiu. McCourt cobrou escanteio, Colunga desviou e Gordon Greer cabeceou pro gol.

Com o resultado, o Boro chegou aos 23 pontos, empatando com o Derby na vice-liderança (3º pelo saldo de gols). Já o Brighton, que não vence há 8 jogos, ocupa o 20º lugar com 11 pontos. Resta saber até quando Sami Hyypia dura no comando do time.


Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2019. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis