Por Edmar Assis e Danilo Moraes. Tecnologia do Blogger.

Classificação

Artilharia

Postado por : Edmar Assis 26/07/2019


Nome: Nottingham Forest Football Club
Apelido: The Reds
Estádio: City Ground
Presidente: Evangelos Marinakis
Técnico: Sabri Lamouchi
Última temporada: 9º (Championship)

CHEGAM: Sammy Ameobi (Bolton, Free); Tiago Silva (Feirense, valor não revelado); Yuri Ribeiro (Benfica, valor não revelado); Alfa Semedo (Benfica, empréstimo); Albert Adomah (Aston Villa, Free); Arijanet Muric (Man City, empréstimo); 

SAEM: Panagiotis Tachtsidis (Lecce, £500k); Apostolos Vellios (Atromitos Atenas, Free); El Arbi Hillel Soudani (Olympiacos, valor não revelado); Jamie Ward, Liam Bossin, Stephen Henderson (dispensados); Pelé (AS Monaco, fim do empréstimo); Saidy Janko (FC Porto, fim do empréstimo); Diogo Gonçalves (Benfica, fim do empréstimo); Molla Wagué (Udinese Calcio, fim do empréstimo); Karim Ansarifard (Al Sailiya, valor não revelado); Jorge Grant (Lincoln Cityvalor não revelado); Ben Osborn (Sheffield United, valor não revelado);

Depois de muito tempo a sofrida e apaixonada torcida do Forest entrou esperançosa numa temporada, afinal o time abriu o bolso, fez ótimas contratações e era comandado por um treinador eficiente na defesa e que tinha experiência na Championship, inclusive com um acesso. Maaaas... não dá pra dizer que 18-19 foi um fracasso completo, os Reds brigaram pelos playoffs e estiveram no top-6 até por algumas rodadas, mas como sempre a turbulência infindável que parece existir no banco de reservas do City Ground atacou de novo: assim que o ano virou, Aitor Karanka pediu demissão, por especulada desavença com o dono Evangelos Marinakis. O ídolo Martin O'Neill chegou, fez um péssimo trabalho e foi demitido. E mais um ano do Forest longe do topo.



Minutos depois de anunciar a demissão de O'Neill, veio o substituto, e bem surpreendente: chega o francês Sabri Lamouchi, ex-Rennes, pra ser o 13º treinador do Forest em apenas OITO ANOS. O novo treinador encontra um elenco bem qualificado, mas que precisa começar a pensar alto se quiser voltar a ser grande. As contratações são boas e qualificam o time: Sammy Ameobi vem de graça do Bolton pra compor elenco; Tiago Silva, Yuri Ribeiro e Alfa Semedo aumentam o contingente luso do elenco; Albert Adomah vem do Aston Villa pra dar uma boa experiência pela ponta, embora não esteja em bosa fase, e Arijanet Muric deve ser o titular no gol, emprestado pelo Man City.

As saídas mais sentidas serão a dos jogadores que voltam pros seus clubes após o fim dos empréstimos. O clube aproveitou pra fazer uma leve (e necessária) limpa no elenco. Será ponto de curiosidade ver como Sabri Lamouchi vai armar o time no seu primeiro trabalho na Inglaterra, e se ele terá paz para trabalhar. Como dissemos, o time é bem qualificado, e conta com jogadores como Joe Lolley, que fez uma temporada fenomenal, além de bons nomes como João Carvalho e Matt Cash. Os jogadores e o treinador precisam ter tranquilidade para trabhar, e também ciência de que o clube precisa pensar grande, porque se nada disso acontecer, será mais um ano de decepções.

Provável time para a temporada (4-3-3): Muric; Darikwa, Benalouane, Tobias Figueiredo, Yuri Ribeiro; Colback, Watson, João Carvalho; Cash, Lolley, Grabban.

Previsão Championship Brasil: Briga por playoffs


Siga-nos em nossas redes sociais para ficar por dentro de todas as novidades da próxima temporada!


Home ---------------------- Política de Privacidade ---------------------------------------------------------------------------------------------------- Championship Brasil 2019. Todos os direitos reservados ------- Designed by Edmar Assis